mulher-sentada-brincando-com-cachorro-tema-futebol-brasil

A Copa do Mundo começou e o Brasil ficou mais Amarelo

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

A Copa do Mundo começou e a nossa torcida por mais um título do Brasil também!

Agueeenta coração, que o amarelo da seleção brasileira tem chance de brilhar este ano!

mulher-sentada-brincando-com-cachorro-tema-futebol-brasil

E você? Já está preparado para colocar sua camisa amarela e torcer pelo Brasil?

Chegou a hora de gritar, vibrar bem alto, se emocionar e principalmente, torcer muito junto com seus amigos e familiares.

E se um deles for seu Pet a torcida pode ficar melhor ainda, especialmente nos dias dos jogos.

Amarelo

Amarelo é a cor da luz, do calor, da descontração, do otimismo e da alegria!

Ela simboliza o sol, o verão, a prosperidade e a felicidade.

Na bandeira do Brasil, o amarelo representa as riquezas brasileiras, mesmo sendo puxado para um tom vivo e vibrante, que normalmente, é mais associado ao calor e à alegria.

Alguns tons como o dourado, também podem significar riqueza, dinheiro, inteligência e ouro.

Com amarelo você estará associado à prosperidade, pode também trazer sorte.

Isso pode ajudar nossa seleção a não “amarelar” na “hora H”. Vamos fazer a nossa parte, né?

Sabe porque a cor do uniforme da seleção brasileira é amarela?

Em 1950 a seleção brasileira acabou sofrendo uma dura derrota para o Uruguai, de virada, e acabou sendo vice-campeã da Copa do Mundo dentro do seu próprio país.

Vale ressaltar que nesta época a cor oficial do uniforme da seleção brasileira era branco.

Seleção brasileira com o antigo uniforme branco na Copa do Mundo de 1950. (Foto: Reprodução)

Porém, em 1953, um concurso decidiu mudar a cor oficial da seleção.

Depois de muitos desenhos e tentativas dos amantes do futebol de desenharem um novo uniforme para o Brasil, Aldyr Schlee conseguiu vencer o concurso por desenvolver um uniforme com um amarelo ouro e foi aceito pelo júri do Correio da Manhã.

No ano seguinte, em 1954, a seleção brasileira entrou em campo com a camisa amarela e desde então se tornou a Amarelinha do mundo.

Neymar Jr. em campo usando o uniforme da seleção brasileira. (Foto: Reprodução)

O amarelo no trânsito

No trânsito, o amarelo é uma cor diretamente relacionada ao movimento "Maio Amarelo".

O movimento tem como objetivo central chamar a atenção da população para o alto índice de acidentes no trânsito em todo o mundo e que custam a vida de milhares de pessoas e animais todos os dias.

Referência em mobilidade de transporte de animais para longas distâncias, a MooviPet adere ao movimento buscando maior conscientização de motoristas e pedestres para a importância dos cuidados e atenção com os animais, pois eles também fazem parte desse ecossistema.

Quem somos

A MooviPet é uma empresa que está democratizando o acesso dos animais às viagens rodoviárias no Brasil.

Nós oferecemos uma nova experiência de viagens mais seguras, práticas, inteligentes e muito mais baratas para cães e gatos.

https://youtube.com/watch?v=YT0vspZQMfI


E, então?! Vamos colocar nossa amarelinha e torcer pela nossa seleção?

O amarelo da nossa seleção também combina com você e seu Pet?

Corre lá no nosso Instagram e manda uma foto ou vídeo seu com seu pet caprichando na torcida!

https://www.instagram.com/p/ClPAt-HpWab/


tecnologias-petbus-moovipet-thumb

Tecnologias de Segurança aplicadas pela MooviPet nas Viagens Rodoviárias para Pets

Tempo estimado de leitura: 7 minutos

Você sabe que investimos pesado em tecnologia e que ela é uma grande aliada da segurança dos pets em nossas viagens rodoviárias interestaduais e internacionais. Mas você conhece todas elas?

Musicoterapia, cromoterapia, monitoramento, controle digital de temperatura e paradas regulares estão entre as medidas adotadas pela MooviPet para garantir a segurança e a tranquilidade para os animais que viajam nas viagens rodoviárias.

Mas, se tratando da MooviPet, é claro que não poderia parar por aí, né?!

tecnologias-petbus-moovipet-thumb

Além da preocupação com a segurança e o conforto dos animais, a MooviPet também conta com câmeras com sensor de fadiga e telemetria que alerta para os limites de velocidade para controle dos riscos relacionados aos motoristas, evitando acidentes que possam comprometer a saúde e a vida dos animais.

A tecnologia vem se tornando uma forte aliada na busca por mais segurança quando falamos de viagens interestaduais para cães e gatos.

O uso da inteligência de dados e novas ferramentas digitais são capazes de atuar na prevenção de acidentes e garantir tranquilidade para motoristas e animais, trazendo mais tranquilidade para os tutores.

Com o objetivo de tornar as viagens mais seguras, a MooviPet, transportadora especializada no transporte interestadual de cães e gatos, atua em diversas frentes.

A começar pela classificação de risco dos animais feita durante a reserva da viagem, na qual são verificadas as características, comportamento e saúde dos animais e são adotados protocolos de segurança específicos em caso de necessidade.

Para que um Pet possa embarcar é preciso obedecer requisitos que passam pela análise da documentação, saúde e socialização, afirma Eduardo Carvalho, Gestor de Operações da MooviPet.

Além do cuidado na avaliação dos animais para embarcar, a MooviPet investe no uso da tecnologia para minimizar os riscos de acidentes e contratempos nas estradas.

Uma das principais ações são as adaptações realizadas na cabine onde os animais são acomodados para as viagens na modalidade compartilhada, que permite viagens confortáveis, seguras e monitoradas.

Além disso, a partir de janeiro de 2023 animais que exijam maiores cuidados e atenção irão utilizar uma coleira que permite o monitoramento da saúde dos animais e o acompanhamentos das atividades exercidas durante a viagem, permitindo a adoção imediata a de protocolos de prevenção em casos de necessidade, principalmente decorrentes de estresse ou ansiedade.

"O monitoramento é um dos diferenciais da MooviPet, principalmente quando comparada às viagens oferecidas pelas companhias aéreas, na qual os animais embarcam nos porões sem monitoramento", acrescenta Eduardo Carvalho.

Outra iniciativa adotada pela MooviPet é a telemetria veicular, presente em toda a frota da MooviPet.

O sistema coleta dados do veículo em tempo real, com o foco nos limites de velocidade nas estradas, mas também identifica se o veículo teve problema mecânico, se chegou ou saiu com atraso ou se passou do tempo de parada.

Por meio dos equipamentos adotados, ainda é possível fiscalizar o cumprimento de normas e regras de segurança e administrar situações pontuais que podem acontecer, garantindo mais tranquilidade aos animais e aos tutores.

  • TELEMETRIA

O equipamento coleta dados do veículo em tempo real, registrando quando o veículo ultrapassa os limites de velocidade nas rodovias ou executa uma manobra que possa comprometer a saúde e a segurança dos animais.

esp-adaptativo-9i-mercedes-sprinter-416-moovipet

Ele também verifica a presença de problemas mecânicos, além da pontualidade nas partidas e nas paradas.

  • MAPEAMENTO DE ROTAS DE RISCO

Com uso da inteligência de dados, nosso time de especialistas mapeiam de novas tecnologias preventivas, como a instalação de novas câmeras e telemetria, em veículos que trafegam em estradas com altos índices de acidentes, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal.

motoristas-moovipet-em-treinamento

  • CENTRAL DE MONITORAMENTO

Para melhor análise de dados e uso da tecnologia, a estrutura de monitoramento da MooviPet funciona 24 horas por dia, sete dias por semana com suporte médico veterinário.

  • MOTORISTA RESERVA

A MooviPet exige a troca do condutor inicial por um reserva a partir de oito horas de viagem.

A MooviPet também adotou rotinas que prezam pela qualidade das viagens, indo além do que determina a legislação que o regulamenta.

A legislação atual não exige que transportadora de animais tenha responsabilidade técnica, motoristas capacitados com curso de técnico veterinário e uma frota de veículos nova e que tutores possam acompanhar a viagem dos animais.

Os serviços da MooviPet são oferecidos pela MooviPet como diferencial para que possam trazer mais segurança e conforto aos animais e tranquilidade para os tutores.

Todos os protocolos adotados e tecnologias empregadas são fundamentais para tornar as viagens mais seguras, mas Eduardo também ressalta a importância da conscientização dos tutores sobre a preparação correta dos animais e os cuidados no fornecimento dos dados e documentos para elevar a segurança nas viagens.

"Um sinal de que essas iniciativas são eficazes está na redução do índice de enjoos de animais, que caiu 80% nos últimos 6 meses", afirma Eduardo.

Dessa maneira, a MooviPet mantém seu time de operações, tutores, motoristas e animais conectados buscando otimizar processos e desenvolver estratégias de segurança cada vez mais eficientes.

O modelo de atuação da empresa passa ainda pelos feedbacks dos tutores e do histórico dos animais durante as viagens, que são registrados pelos motoristas. Os serviços são avaliados e o feedback dos tutores é de grande importância para a Moovipet planejar suas decisões visando a melhoria contínua das operações.

Esse conjunto de medidas faz parte de um processo em constante desenvolvimento, no qual a tecnologia e o respeito às opiniões de tutores são colocados no centro das preocupações da MooviPet, que não para de evoluir.


invoxia-moovipet-smart-dog-collar-thumb

MooviPet investe em Coleira Inteligente para trazer ainda mais Segurança durante a viagem

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Controlar o estresse e ansiedade dos animais e tomar medidas de prevenção nas viagens é o maior desafio para os transportadores aéreos e terrestres.

Atualmente as viagens rodoviárias realizadas pela MooviPet já são monitoradas presencialmente por motoristas que possuem o curso de auxiliar veterinário e remotamente por nosso time de operações que conta com suporte médico veterinário, garantindo a segurança nas viagens.

Os protocolos de segurança adotados que contam com acompanhamento remoto e atendimento médico presencial em caso de necessidade permitem a prevenção de problemas que podem comprometer a saúde e a vida dos animais que viajam.

Como você já sabe a MooviPet busca sempre as melhores tecnologias para garantir conforto e segurança nas viagens e com isso buscar a excelência na experiência de tutores e animais que precisam viajar.

A partir do ano que vem a MooviPet passará a adotar a coleira Smart Dog Collar da Invoxia em suas viagens para monitorar a saúde e o comportamento dos animais.

invoxia-smart-dog-collar-biometric-health-ces-2022-designboom-1200
Cachorro utilizando a Smart Dog Collar da Invoxia (Foto: Invoxia)

“Trabalhamos com estratégias de segurança preventiva para evitarmos qualquer tipo de acidente e, para isso, usamos várias tecnologias. Já estamos em contato com a Invoxia e ansiosos pela comercialização deste produto, bem como pelos impactos positivos que teremos e que certamente irão melhorar ainda mais a experiência dos tutores que utilizam nosso serviço. A partir de 2023 as viagens da MooviPet serão ainda mais seguras”, declara o Gestor de Operações da MooviPet, Eduardo Carvalho.

Continue a leitura e entenda melhor como funcionam as coleiras da Invoxia e que benefícios elas trazem para as viagens.

Como funciona a Smart Dog Collar da Invoxia

A coleira funciona como um smartwatch e detecta a posição, os passos e a saúde de um Pet.

Este é o primeiro produto pensado para animais de estimação que, embora se apresente como uma coleira clássica com tamanho ajustável, possui uma série de novas funções que permitem ao dono localizar o seu cão 24 horas por dia.

Por meio de GPS, sensores de radar e inteligência artificial, é possível verificar a posição do animal bem como os valores detectados pelos sensores e fazer um acanhamento em tempo real durante as viagens.

App de monitoramento da Smart Dog Collar da Invoxia (Imagem: Invoxia)

A coleira permitirá a adoção de protocolos de segurança com muito mais agilidade pois será possível identificar em tempo real dados importantes referente frequência respiratória e cardíaca de um cão, sinalizando sinais de ansiedade e estresse, por exemplo.

Além disso, será possível acompanhar as atividades realizadas por um Pert durante a viagem, incluindo o tempo gasto nas caminhadas, descanso e a de médio e grande portes e será usado para animais com classificação de risco amarela e vermelha.

Diferente dos smartwatches e dos dispositivos fitness para humanos, a coleira é colocada no pescoço dos animais de forma confortável, mas ainda assim consegue fornecer leituras precisas da frequência cardíaca, segundo a marca.

A tecnologia do dispositivo permite coletar em escala uma grande quantidade de dados biométricos, o que é muito importante nas viagens para evitar problemas de maior gravidade.

E aí, gostou de saber que a partir de 2023 as viagens com a MooviPet terão ainda mais segurança, recebendo muito amor e carinho?

Que tal aproveitar e já garantir a reserva para a próxima viagem de seu melhor amigo?


trecho-manaus-veiculo-moovipet

Manaus: MooviPet investe pesado em rotas para a região norte do país

Tempo estimado de leitura: 11 minutos

Vocês pediram e nós atendemos: a partir de outubro de 2022, os trechos Manaus ⇄ Fortaleza e Manaus ⇄ Brasília passam a serem comercializados mensalmente, permitindo que centenas de cães e gatos possam chegar às principais cidades do Brasil.

Como acontece com as demais reservas rodoviárias da MooviPet, os tutores pagam somente pelas vagas que precisarem, podem confirmar imediatamente nas datas programadas e parcelar em até 10x sem juros.

Para confirmar, os tutores pagam somente 20% no ato da reserva, devem preencher uma ficha com informações sobre o Pet e providenciar a documentação: atestado de saúde e carteira de vacinação atualizada.

A rota foi criada para atender a demanda de tutores de Manaus e cidades vizinhas que precisam enviar e receber seus Pets para as demais cidades do Brasil e vêm encontrando muitas dificuldades.

PetBus, principal veículo da frota da MooviPet, recém chegado nas portas da cidade de Manaus. (Foto: Arquivos da MooviPet)

As opções de viagem aéreas são muito restritas e a logística terrestre para Manaus é complexa por conta das condições da Rodovia 319, que liga Manaus a Porto Velho.

Além de caro, quase não há empresas que façam operação nesse trecho tornando difícil a vida de centenas de tutores que precisam ir ou vir com seus cães e gatos.

Foi visando oferecer opções de viagens confortáveis, seguras e com tarifas acessíveis que a MooviPet iniciou uma nova operação para atender a cidade de Manaus com a mesma qualidade que já vem oferecendo nas demais cidades do país. Vamos conhecer?

Como o trecho é realizado?

Para entender melhor, dividimos o trajeto em 3 etapas.

  • Trecho 1: Manaus ↔ Santarém

Trajeto realizado de lancha através do Rio Amazonas, com duração de aproximadamente 18h, com paradas nas cidades de Itacoatiara, Parintins e Óbidos.

Veja o trajeto na ilustração abaixo.

  • Trecho 2: Santarém ↔ Fortaleza ou Brasília

Trajeto realizado com minivans e carros menores, para realizar a integração entre Santarém com as rotas fixas de Fortaleza e Brasília.

Veja o trajeto na ilustração abaixo.

  • Trecho 3: de Fortaleza ou Brasília até a sua cidade

Rotas fixas, realizadas mensalmente com o PetBus.

A rota Brasília tem duração de 3 dias e passa por cidades como: São Paulo, Rio de Janeiro, Juiz de Fora, Belo Horizonte, Brasília, Uberaba, Uberlândia, entre outras.

Já a rota de Fortaleza tem duração de 6 dias e passa por cidades como: São Paulo, Rio de Janeiro, Vitória, Ilhéus, Feira de Santana, Salvador, Aracajú, Maceió, Recife, João Pessoa, Natal, Mossoró, entre outras.

Veja o trajeto na ilustração abaixo.

Na imagem ilustração abaixo, você pode ter uma visão geral de toda a rota Manaus.

produto-novo-manaus-visao-geral-moovipet

Quais são as datas do Trecho Manaus?

Conexão com Fortaleza São Paulo

  • Dia 1: Embarque em Manaus;
  • Dia 2: Início da travessia do Rio Amazonas, às 5h da manhã, com duração de cerca de 18 horas de lancha até Santarém;
  • Dia 3: Início da conexão de Santarém, com viagem de 3 dias até Fortaleza;
  • Dia 6: Início da conexão de Fortaleza, com viagem de 6 dias até São Paulo;
  • Dia 11: Desembarque de São Paulo.

São Paulo Fortaleza Manaus

  • Dia 30/31: Embarque em São Paulo, com viagem de 6 dias até Fortaleza;
  • Dia 6: Início da conexão de Fortaleza, com viagem de 3 dias até Santarém;
  • Dia 9: Início da travessia do Rio Amazonas, às 5h da manhã, com duração de cerca de 18 horas de lancha até Manaus;
  • Dia 10: Desembarque em Manaus.

Conexão com Brasília São Paulo

  • Dia 15: Embarque em Manaus;
  • Dia 16: Início da travessia do Rio Amazonas, às 5h da manhã, com duração de cerca de 18 horas de lancha até Santarém;
  • Dia 17: Início da conexão de Santarém, com viagem de 3 dias até Brasília;
  • Dia 20: Início da conexão de Brasília, com viagem de 4 dias até São Paulo;
  • Dia 23: Desembarque em São Paulo.

Conexão com São Paulo Brasília

  • Dia 16: Embarque em São Paulo, com viagem de 4 dias até Brasília;
  • Dia 20: Início da conexão de Brasília, com viagem de 3 dias até Santarém;
  • Dia 23: Início da travessia do Rio Amazonas, às 5h da manhã, com duração de cerca de 18 horas de lancha até Manaus;
  • Dia 24: Desembarque em Manaus.

Como seu pet viaja na lancha no trecho Manaus ⇄ Santarém?

A lancha utilizada é do modelo Anna Karoline IV, operada pela Empresa de Navegação ERLONAV, uma das empresas de maior credibilidade do mercado especializada na travessia do Rio Amazonas e tem capacidade para até 5 animais.

lancha-anna-karoline-iv-erlonav
Lancha Anna Karoline IV, operada pela ERLONAV (Foto: Reprodução)

A cabine, onde os animais são acomodados, conta com controle de temperatura e de ruídos, além de viajarem ouvindo uma playlist personalizada para reduzir o estresse durante a viagem.

No vídeo abaixo, você pode conferir como é o interior da lancha.

https://www.youtube.com/watch?v=Y4wmo1lq5yI

Toda viagem é acompanhada presencialmente por um monitor e remotamente por médicos veterinários em nossa central de operações. Nosso time fica o tempo todo atento e preparado para adoção de medidas de primeiros socorros em caso de eventual necessidade.

Como não é preciso comprar caixas de transportes (pois já fornecemos gratuitamente) a MooviPet oferece opções de viagem mais baratas para os tutores.

Como são realizadas as conexões com as demais rotas?

A viagens para cidade de Manaus exige uma logística mais elaborada e não temos rotas diretas para a maioria das cidades, sendo necessária a integração com as demais rotas.

Portanto, nem sempre dá para embarcar seu pet de ônibus direto de uma cidade para outra, principalmente quando elas ficam nas cidades mais distantes.

Por isso, você tem a opção de fazer uma conexão, integrando dois ou até mais trechos e, para viabilizar essa conexão, é necessário que seu pet fiquei hospedado em hotéis credenciados à MooviPet.

Através da DogHero, dispomos de milhares de opções de pontos de hospedagem pelo Brasil, onde seu pet poderá aguardar a viagem com segurança, recebendo muito amor e carinho.

Banner DogHero (Imagem: Reprodução)

Onde são realizadas as conexões do Trecho Manaus?

As conexões são realizadas em “Hotéis Pet” parceiros que hospedam os animais que irão viajar com 24 horas de antecedência e executam os procedimentos de preparação para o embarque, assegurando viagens mais confortáveis e seguras.

Hospedados nos hotéis, os animais se preparam para viajar, socializam e usufruem de todos os benefícios que são oferecidos. Não é o máximo?!

Suspensão das operações pela BR 319

A Rodovia 319 que liga Manaus a Porto Velho possui trechos não pavimentados que colocam em risco as operações rodoviárias envolvendo animais e por isso decidimos suspender nossas operações através dessa rodovia.

A rodovia possui trechos danificados e não tem pavimentação em quase toda a sua extensão, o que provoca atoleiros no período chuvoso. Já no período de estiagem, enfrentamos outro problema: buracos e poeira, o que torna a viagem menos confortável para os animais.

Por esse motivo a MooviPet deixa de operar viagens através da Rodovia 319, sendo a travessia de barco uma opção mais segura e confortável para os animais. Conheça algumas vantagens da nova operação da MooviPet:

Rapidez no Percurso

Uma das principais vantagens da nova rota é a velocidade e a redução do tempo. A partir de agora animais chegam até Fortaleza em 4 dias, saindo de Manaus.

Por ser uma solução mais rápida, fica, também, mais confortável para os animais.

Facilidade no Planejamento

Outra vantagem dessa modalidade é a possibilidade de se planejar e comprar as passagens aéreas com antecedência e ter a confirmação da reserva imediata, permitindo que tutores consigam se planejar melhor.

Segurança

Mesmo que algumas pessoas tenham medo de embarcar em seus animais em ônibus e lanchas, essa ainda é uma das opções de transporte mais seguras para percorrer grandes distâncias tendo em vista a possibilidade da adoção de protocolos de segurança imediatos, tendo em vista o monitoramento permanente das viagens por profissionais qualificados, com curso de auxiliar veterinário e monitorados remotamente por médicos veterinários.

É, também, uma ótima opção para quem não gosta de dirigir e para os que se sentem inseguros em viajar com animais embarcados.

Mais conforto

A experiência em viajar de ônibus ou lancha é totalmente diferente que viajar de avião para a maioria dos animais.

Diferente do avião onde grande parte dos animais viajam nos porões, viajar de ônibus ou lancha permite os animais tenham contato direto com pessoas, recebendo amor, carinho e atenção, podendo observar tudo que acontece, do início ao fim.

Além disso, tecnologias como cromoterapia, musicoterapia e controle de temperatura garantem muito mais conforto.

Mais comodidade

Com a MooviPet você pode reservar até pelo WhatsApp e, além de só precisar da carteira de vacinação atualizada e atestado de saúde, seu Pet embarca e desembarca sem que você precise sair de casa, na maioria das situações.

Tarifas mais baratas

Uma outra vantagem de quem viaja de MooviPet é que a viagem fica mais barata tendo em vista que a maioria dos embarques e desembarque são realizados porta a porta

Além disso, os tutores não precisam comprar caixas de transporte, que são fornecidas gratuitamente.

Com poucas variações e reajustes, principalmente em épocas de alta temporada.

Por isso, se tem um Pet que precisa viajar de última hora, não terá que pagar dobrado por isso.

Para o seu melhor amigo, viajar de MooviPet é viver uma experiência única.

Se seu Pet precisa viajar e você não abre mão de conforto e qualidade por um preço justo, então está na hora de viver essa experiência com a MooviPet.


MooviPet no Reclame Aqui: o que dizem os Consumidores?

Tempo estimado de leitura: 7 minutos

"Boa reputação da MooviPet gera mais confiança e credibilidade para tutores"

A maioria das pessoas já ouviu falar do Reclame Aqui, seja por uma busca no Google ou por meio de alguém que fez alguma reclamação ou avaliação sobre alguma empresa e verificar a reputação das empresas é muito importante para saber quais problemas consumidores já tiveram e principalmente o que a empresa fez para resolvê-los garantindo satisfação e adotando medidas para que não ocorram novamente, não é verdade?

Os sistemas de buscas, as redes sociais e sites como o Reclame Aqui funcionam como um guia fácil e prático para consultar a reputação de um serviço por meio de avaliações, reclamações e elogios.

"Os animais não falam e não podem elogiar ou reclamar. Aqui na Moovi, diante do feedback de tutores, sejam eles positivos ou negativos, buscamos qualificar equipes e colaboradores e otimizar processos que padronizam tarefas, buscando otimizar resultados na busca da excelência na prestação de serviço e máxima satisfação.", afirma Amaro Netto, CEO da MooviPet.

Em outubro de 2022, nosso índice de satisfação chegou ao impressionante número de 10 de 10 ⭐ no Reclame Aqui.

100% das reclamações foram atendidas e, principalmente, os feedbacks resultaram em mudanças de processos e pessoas para que não voltasse a acontecer, com clientes futuros.

Isso indica que a trajetória da MooviPet no Reclame AQUI tem sido uma coleção de vitórias e leva ao usuário de nossos serviços a segurança de que nos preocupamos com o atendimento e com a satisfação de nosso cliente.

Nosso índice de satisfação no site também é de encher os olhos: ao longo do último ano, 9 em cada 10 dos nossos clientes que procuraram o Reclame AQUI afirmaram que voltariam a colocar seus Pets para viajar com a gente, o que é uma grande conquista.

Vale notar que todos os comentários e avaliações deixados no Reclame AQUI, bem como em todos os demais canais de contato próprios ou externos da MooviPet, são essenciais para que possamos medir a satisfação dos nossos consumidores e implementar mudanças positivas nos nossos produtos e serviços.

Portanto, queremos desde já agradecer a todos os feedbacks que recebemos de vocês — eles são um símbolo do nosso bem mais precioso, que é a nossa relação com nossos clientes, e temos muito orgulho do caminho de excelência que temos traçado.

O que é a MooviPet

O MooviPet nasceu com o objetivo de oferecer aos animais o mesmo conforto e segurança que nós temos quando precisamos viajar, oferecendo para cada um deles a melhor experiência possível.

https://www.youtube.com/watch?v=YT0vspZQMfI

Podendo ir e vir, menos animais são abandonados e outros conseguem ser adotados e doados, diminuindo os índices de crueldade e maus tratos.

Ao longo de mais de 5 anos, mais de 100 mil animais chegaram aos seus destinos com conforto e segurança, com apenas 10 reclamações negativas, o que representa menos de 0.01% do número de animais que já viajaram com a gente.

Essa média indica, na verdade, que a MooviPet é a forma mais confiável e segura para um Pet viajar, sendo a transportadora com melhor avaliação dentre as transportadoras aéreas e terrestres disponíveis no mercado, em detrimento dos problemas que ocorreram em algumas situações.

Faz parte da nossa cultura superar as expectativas e encantar os tutores, oferecendo nas viagens o máximo de conforto e segurança possíveis, de acordo com as características e necessidades dos cães e gatos.

Desde que oferecemos nossas viagens com toda tecnologia e carinho recebemos muitos comentários positivos e até declarações de amor mesmo.

Atendimento de qualidade

O sistema rodoviário da MooviPet permite que cães e gatos possam chegar com conforto e segurança em mais de 160 cidades e países da América do Sul com um NPS elevado.

O NPS é uma métrica usada por empresas do mundo inteiro para medir o grau de satisfação dos seus clientes.

Hoje, a MooviPet tem um NPS de 87 pontos – o que significa que nossos clientes estão muito satisfeitos e recomendariam a gente para outros tutores que precisam viajar com seus Pets.

O motivo para dividir isso agora? Um dos nossos objetivos é influenciar outras transportadoras a tratarem os animais cada vez melhor, com mais respeito, conforto e segurança.

O NPS (Net Promoter Score) é uma metodologia utilizada no mundo inteiro para medir o quão satisfeitos os consumidores estão com os produtos e serviços de uma empresa. Na MooviPet, a pesquisa é aplicada a mais de dois anos e sempre esteve acima dos 85 pontos.

Nossas operações são planejadas com base nas necessidades dos animais de acordo com o feedback dos tutores, buscando encantá-los a cada viagem que realizamos. Esse comprometimento trouxe um resultado incrível: hoje mais de 60% dos 100 mil animais que já transportamos chegaram até a gente de forma orgânica.

Conforto nas viagens

Quando se trata de viagens longas para os animais, o conforto é um item imprescindível. Afinal, a experiência de um tutor começa desde o momento em que ele observa a necessidade de seu Pet em viajar.

A viagem, inclusive, pode ser um momento para que um Pet possa relaxar e dormir, lidar com outras pessoas e animais e sentir sons e cheiros diferentes. Tecnologias como musicoterapia, cromoterapia e controle de temperatura garantem o conforto necessário para trechos de longas horas!

https://youtu.be/u0GiK71Vlu4

Preço acessível

Em tempos incertos, o custo de vida oscila muito para o bolso das pessoas. Tornar viagens mais acessíveis financeiramente para os tutores é um diferencial que a MooviPet oferece, sendo uma vantagem para animais que precisam se deslocar, seja por necessidade, seja para turismo.

Segurança garantida

A segurança é indispensável para uma viagem tranquila. Para garantir a proteção dos animais, a MooviPet segue um sistema de regras que qualificam os colaboradores e garantem a manutenção e fiscalização da frota em dia.

https://www.youtube.com/watch?v=8dSVsnriTrE

Os motoristas passam por uma seleção, na qual são analisados seus históricos profissionais, participam de curso de capacitação continuada e possuem curso de auxiliar veterinário e direção defensiva para garantir a segurança dos animais durante as viagens.

Outra vantagem é o Seguro MooviPet, que pode ser contratado permitindo muito mais conforto e comodidade aos tutores em caso de eventual necessidade de atendimento médico veterinário durante a viagem.

Além de preço acessível e qualidade nas viagens, um dos objetivos principais da MooviPet é oferecer um serviço prático e simples para os tutores que precisam que seus Pets viagem para uma outra cidade. Por meio do nosso site: www.moovipet.com, basta escolher o destino, a data e agendar sua passagem.

Apenas atestado de saúde e carteira de vacinação em dia são necessários, facilitando o processo de viagem. Mesmo para animais que não possam compartilhar a viagem com outros animais ou tenham uma data específica para viajar, a MooviPet oferece opções de viagens exclusivas.

Viu os motivos que fazem com que a MooviPet seja referência de transportadora para seu melhor amigo?

E você, já teve uma experiência legal com a MooviPet? Gosta e sente que pode contar sempre com os nossos consultores e motoristas?


mulher-segurando-filhotes-samoieda

Canis transportam filhotes pela MooviPet com segurança, conforto e ainda ganham dinheiro no programa de parceiros

Tempo estimado de leitura: 10 minutos

Uma das maiores dúvidas de quem quer comprar um cachorro de raça com certeza é: será que esse canil é de confiança?

Não é tarefa fácil encontrar um criador que siga todas as normas éticas e cuidados com os Pets em todas as etapas: criação, bem estar, segurança, saúde e cuidados no envio.

Cada vez mais clientes buscam informações em sites e redes sociais para fazerem a melhor escolha.

Se preocupar com a transparência das atividades e com a experiência de quem está comprando um filhote é imprescindível para todo canil sério que busca ser referência no mercado.

Filhotes precisam de felicidade e amor, deve ser tratado com respeito e receber os cuidados essenciais que garantem o seu bem-estar, principalmente na hora em que são enviados, pois é o momento em que interrompem a convivência com seus irmãozinhos.

caes-cachorro-filhotes-fundo-amarelo

Esse é um momento que pode trazer consequências psicológicas e podem causar desvios comportamentais difíceis de reverter se não for realizado da forma correta, além de comprometer a saúde e a vida do animalzinho se certos protocolos não forem observados.

O primeiro momento que um novo tutor estabelece contato com o novo membro da família é no momento da chegada e um canil deve se preocupar em proporcionar para seus clientes a melhor experiência possível, pois isso certamente irá refletir na satisfação, indicação e recorrência, tornando este estabelecimento uma referência em seu segmento.

Quer saber mais sobre como enviar filhotes para todo Brasil, conquistar muito mais clientes e aumentar seus ganhos com a MooviPet? Então vamos à leitura.

Formas de envio de filhotes

A chegada dos filhotes é um momento de muita alegria, afinal, todos os moradores da casa ficam encantados com a fofura do pequenino.

A chegada do novo morador gera muita ansiedade e preocupação a nova família já que, na maioria das situações, é a primeira vez que terão contato físico com o animal.

Atualmente, os criadores de cães podem enviar filhotes por avião ou através de transportadoras como a MooviPet, que oferecem opções de viagens programadas para as principais cidades do Brasil.

Conheça as principais diferenças entre essas duas opções:

Como se pode perceber, são muitas as vantagens quando um filhote é entregue pela MooviPet: é muito mais segurança, economia e comodidade, tanto para quem compra quanto para quem vende.

Como são as viagens de filhotes com a MooviPet?

A MooviPet oferece opções de viagens rodoviárias com datas programadas, nas quais um tutor pode confirmar a reserva na hora e só paga pelas vagas que precisar, similar ao sistema rodoviário de passageiros humanos.

Todos os animais que viajam com a MooviPet têm sua particularidade, mas os filhotinhos precisam de uma atenção redobrada: eles são animais em desenvolvimento, são instintivos e curiosos.

Quando perdem o contato com seu habitat e sua família para serem levados para seu novo lar apresentam medo e desconfiança, e nós precisamos em um curto período de tempo fazê-los entender, com muito cuidado, amor e carinho, que está tudo bem e que eles podem ficar tranquilos , até chegarem em seus novos tutores.

Para garantir que essa adaptação ocorra, a MooviPet conta com um veículo adaptado e oferece tecnologias que garantem conforto e bem estar. Vamos conhecer?

Como garantir segurança nas viagens compartilhadas?

Embarcar filhotes junto com outros animais sempre foi uma preocupação para muitos criadores e tutores, justamente pelo risco por haver mais animais embarcados.

É por esse motivo que a MooviPet adota rígidos protocolos de segurança para embarque de animais nas viagens interestaduais rodoviárias compartilhadas.

Todos os animais que embarcam nas viagens interestaduais rodoviárias da MooviPet, sem exceção, devem ter a carteirinha de vacinação em dia, atestado de saúde e, dependendo da classificação de risco, passam por avaliação médica interna para que o embarque seja autorizado.

Somente embarcam animais saudáveis e sociáveis.

Protocolos

  • Preparação da acomodação

A cabine dos Pet dos veículos empregados pela MooviPet, como vimos, já possui tecnologias para garantir conforto e segurança e, consequentemente, redução de estresse.

Todavia, os filhotes precisam de uma preparação mais específica para garantir segurança e dar mais conforto

É importante que seja silenciosa e sem contato direto ou indireto para outros animais proporcionando um ambiente calmo para que o filhote não se sinta inseguro.

Além da preparação feita para todos os animais, no caso dos filhotes é importante utilizar uma caminha com cobertor, preferencialmente o que ele já utiliza para dormir no canil, pois tem o cheirinho de sua família o que ajuda a trazer mais tranquilidade e conforto.

  • Alimentos e água o tempo todo

Além da cama, são utilizados bebedouros e comedouros portáteis, que ficam no interior da acomodação permitindo que o filhote possa se alimentar e se hidratar sempre que desejar, sem interrupção, tendo em vista que os filhotes não saem da acomodação por ocasião das paradas.

Na preparação para o embarque é fundamental que o responsável pelo embarque, normalmente o administrador do canil, prepare a alimentação de forma adequada.

Filhotes devem sempre embarcar alimentados e hidratados.

Os filhotes mais estressados podem apresentar diarreia ou vômitos e a preocupação com a hidratação deve ser constante.

  • Isolamento

Já sabemos que os filhotes adoram espaço para correr e brincar, mas durante as viagens é fundamental que sua saúde seja preservada e que ele se mantenha isolado dos demais animais embarcados e que não faça as caminhadas externas para esticar as patinhas e fazer as necessidades fisiológicas.

Nessa fase da vida o animal ainda não tem imunidade suficiente para entrar em contato com outros animais, assim como transitar por ambientes externos.

Embora todos os animais que embarcam em nossos veículos estejam vacinados, com atestado de saúde, tenham passado por avaliação médica veterinária e tenhamos a garantia de um ambiente que oferece conforto e segurança somente com animais saudáveis e sociáveis, ainda assim, os filhotes se mantêm isolados.

É fundamental que todos nós, embarcadores e transportadores, tenhamos atenção com a vermifugação e a proteção antipulgas e carrapatos.

Todas essas medidas evitam que o filhote contraia verme, vírus ou bactéria que possa comprometer sua saúde.

  • Filhotes vacinados

A vacinação é a principal prevenção contra doenças graves, e, que, mesmo com tratamento, não têm cura, por exemplo, a parvovirose e a cinomose.

É por isso que para viajar é importante que as vacinas estejam em dia e que os filhotes estejam protegidos contra outros parasitas, como carrapatos e pulgas.

Dessa forma conseguimos fazer viagens compartilhadas com filhotes com a mesma segurança dos jovens e adultos.

  • Choros durante a viagem são normais

É muito comum os filhotes chorarem durante a viagem e nas primeiras noites junto com sua nova família.

Não se preocupe, isso é absolutamente comum e existem diversos fatores que levam um filhote a chorar sem parar e, ao entender, eles se acalmam.

Se imagine em um lugar estranho, que não conhece os sons, objetos, e pior, não encontra seu principal elo, sua mãe.

Um filhote quando vai embarcar se vê diante de um local totalmente novo, e sim, ele vai estranhar e levar um tempo para ele se acostumar.

É por isso que as tecnologias empregadas pela MooviPet e os protocolos de seguranças para filhotes são tão importantes.

Estamos sempre atentos durante a viagem: ele está alimentado? Tem uma caminha quentinha? Está seguro?

  • E se um filhote precisar de atendimento durante a viagem?

Aceitando que problemas podem acontecer com os filhotes durante o deslocamento, a capacitação de motoristas permite que eles possam agir em situações emergenciais, assistidos remotamente por uma equipe médica até o atendimento presencial, em situações de eventual necessidade.

Todos os motoristas da MooviPet possuem curso de auxiliar veterinário e nossas operações são assistidas por médicos veterinários.

Em nossos veículos dispomos de um kit primeiros socorros que permite a adoção de protocolos de atendimento emergencial em caso de eventual necessidade.

Kit de Primeiros Socorros da MooviPet

Além disso, em situações de maior gravidade, o filhote pode ser conduzido para atendimento médico veterinário presencial, que é coberto pelo seguro MooviPet, quando contratado.

  • Uso de feromônios

Os feromônios caninos são muito importantes nas viagens dos filhotes para controlar a ansiedade gerada no momento da separação. Essas substâncias agem ativamente no organismo do animalzinho, de modo a ajudar no desempenho e comunicação com pessoas e com os outros animais.

Com muita pesquisa científica e comprovações eficazes, os feromônios ajudam na adaptação do animal, bem como, no condicionamento comportamental, por isso são substâncias muito utilizadas nas viagens da MooviPet.

  • Protocolos de desembarque

Receber um filhotinho provoca um sentimento comparado ao nascimento de um filho.

Vê-lo pela primeira vez, receber a primeira lambida, dar o primeiro abraço e ouvir o primeiro latido é algo marcante para as famílias.

A preocupação na entrega para que o filhotinho esteja cheiroso e limpinho, com lacinhos ou gravatinha, faz parte dos nossos cuidados para proporcionar a melhor experiência possível para os novos tutores.

No momento do desembarque, nosso motorista busca deixar o filhotinho nas melhores condições possíveis para que esse momento seja marcante e inesquecível e que para esse novo integrante da família chegue com o pé direito.

E você, como entrega os filhotes do seu canil? Eles chegam viajam no porão ou com a MooviPet?

Agregue mais valor ao seu canil e fature fazendo entregas pela MooviPet.

Entrega de filhotes para todo Brasil em 10x sem juros é com a MooviPet


motoristas-moovipet-em-treinamento

Motoristas da MooviPet fazem Curso de Auxiliar Veterinário

Tempo estimado de leitura: 9 minutos

Sim. Problemas podem acontecer em uma viagem.

E se nós, tutores e transportadores, aceitarmos e entendermos isso, podemos adotar medidas de prevenção e intervenção e, dessa forma, permitir que animais saudáveis cheguem bem.

Ainda falta muito para que cães e gatos possam viajar com mais conforto e segurança, tanto em carros quanto em avião.

Por outro lado, cada vez mais transportadores terrestres e aéreos vêm se preocupando em adotar protocolos de segurança, seja para uma viagem de lazer ou pela necessidade de mudança da família para outra cidade.

Entretanto, embarcar um animal ainda gera muita insegurança nos tutores e deixa a família toda apreensiva na hora de viajar.

Os acidentes que envolvem animais de estimação provocam grande comoção e repercussão quando acontecem e causam para os tutores a sensação de insegurança fazendo com que muitos evitem colocar os bichanos para viajar.

Garantir segurança e conforto nas viagens é algo que vai muito além de um veículo com equipamentos de segurança e processos logísticos bem planejados.

Tecnologia e capacitação de motoristas são fundamentais para adoção de medidas de prevenção e podem fazer toda diferença quando algum problema relacionado à saúde ou ao comportamento de um animal é verificado.

A capacidade do motorista em prover amor, carinho e assistência em casos de eventual necessidade é determinante.

Quer saber como a MooviPet capacita motoristas para levar seus filhos até o destino final? Então, continue a leitura!

Curso de auxiliar veterinário

Aceitando que problemas podem acontecer, a capacitação de motoristas permite que eles possam agir em situações emergenciais, assistidos remotamente por uma equipe médica até o atendimento presencial, em situações de eventual necessidade.

Em parceria com o portal Jovem Empreendedor, o time de motoristas colaboradores da MooviPet responsáveis pelas viagens interestaduais rodoviárias realizaram o curso de auxiliar veterinário.

O Gestor de Operações da MooviPet, e enfermeiro por formação, Eduardo Carvalho, relata que os animais podem sofrer alterações clínicas e comportamentais durante uma viagem, principalmente por conta do confinamento e da ansiedade de separação de seu tutor e de seu habitat.

A MooviPet adota protocolos de segurança para agir com rapidez nos casos em que a saúde dos animais possa ser comprometida e, por isso, nossos veículos são dotados de kit primeiros socorros e todas as viagens são monitoradas por médicos veterinários, que dão suporte aos motoristas nos casos de necessidade.

"Lidamos com animais diariamente e esse conhecimento pode ajudar a salvar vidas. A capacitação para aplicação dos protocolos essenciais para a segurança nas viagens e para a vida dos animais que viajam com a gente é nossa prioridade. Esperamos que essa iniciativa seja adotada também por outros transportadores, sejam eles terrestres ou aéreos, autônomos ou profissionais, para que todos os animais possam viajar com mais conforto e segurança.”, afirmou Eduardo Carvalho.

Durante o curso são abordadas situações que os motoristas podem passar durante uma viagem com animais como: perda do apetite, vômito, diarreia, desidratação, problemas cardiorrespiratórios ou agressividade, por exemplo.

Os conhecimentos ajudam também na adoção de protocolos específicos com animais antissociáveis, braquicefálicos, idosos, filhotes e animais com problemas de saúde.

Estudos realizados pela MooviPet, relacionados aos principais problemas que acometem animais durante as viagens, aéreas e terrestres, apontam problemas relacionados ao estresse como uma das causas mais recorrentes.

“A maioria dos incidentes acontecem com animais que potencializam a ansiedade quando embarcam nos veículos, principalmente por estar em um ambiente desconhecido com pessoas estranhas, sentindo-se inseguro sem ter certeza do que vai acontecer. Acostumá-lo a essa situação, proporcionar amor e carinho e empregar tecnologias que controlam o estresse como cromoterapia e musicoterapia ajudam bastante nesse sentido.", acrescenta Eduardo Carvalho.

O motorista da MooviPet, Silvio Monteiro, também opinou:

"Já fiz mais de 200 viagens e mais de mil animais já viajaram comigo pelas estradas do Brasil. Tudo que pudermos fazer para trazer mais segurança para os Pets e mais tranquilidade para os tutores vale muito a pena. O curso nos permitiu ter uma visão melhor dos problemas que podem acontecer e nos qualificar para aplicações de medicamentos, acalmar os animais, cuidar da higiene, nutrição, da limpeza e dedetização das acomodações, prestar os primeiros auxílios com supervisão e executar procedimentos de primeiros socorros com orientação de médicos veterinários durante as viagens.”, disse.

É importante destacar que, mesmo com o curso, todos os procedimentos executados pelos motoristas são acompanhados por médicos veterinários responsáveis e que, nas situações que exigem maior atenção, os animais são deslocados para atendimento médico veterinário presencial.

motoristas-moovipet-em-treinamento

Capacitação continuada

Além do Curso de Auxiliar Veterinário, todo o nosso time de motoristas passa por contínua capacitação com gestores de operações e médicos veterinários, realizando cursos de capacitação, reciclagem e aperfeiçoamento.

Contudo, para garantir a produtividade ideal e o rendimento das operações, é necessário ter atenção à qualificação e à experiência dos profissionais que conduzirão os animais até seu destino.

A falta de noção sobre saúde e comportamento dos animais e sobre a rotina de viagens na estrada pode resultar em problemas na estrada decorrentes da ausência de experiência e de conhecimento técnico.

Qual é a importância da qualificação dos motoristas

Primeiramente, é válido ressaltar que os motoristas são os maiores responsáveis pelos animais. Por mais que nossos veículos sejam adaptados para prover o máximo de conforto e segurança e que façamos o monitoramento das viagens com suporte técnico e tecnologia, são eles que estão em contato direto e são os responsáveis por fazer com os animais cheguem bem ao destino. É com eles que seu filho de quatro patas irá contar quando precisar de algo.

É por isso que um transportador de animais precisa ser qualificado. Os animais precisam confiar nele e ele precisa interpretar os sinais para que possa adotar medidas de prevenção e protocolos de segurança para evitar problemas de maior gravidade.

Redução de acidentes

Durante as viagens os motoristas da MooviPet são submetidos a diversas situações que podem testar as suas capacidades técnicas, bem como o seu nível de experiência na estrada.

Além dos cuidados com manobras arriscadas feitas por outros motoristas, problemas mecânicos no meio do trajeto e condições climáticas adversas, o monitoramento dos animais é muito importante para que tudo corra bem.

Um condutor inexperiente ou desqualificado pode executar procedimentos fora do padrão de segurança e contribuir para ocorrência de problemas graves como fuga, problemas de saúde, briga entre animais e lesões causadas por estresse e falta de cuidado no volante. Isso, por sua vez, coloca em risco a vida das pessoas e animais animais embarcados.

A melhor forma de contornar essa situação é justamente capacitando motoristas e adotando protocolos de segurança eficientes. Com certeza, essa estratégia contribuii decisivamente para a redução de acidentes.

O que você, tutor, precisa fazer?

Então, fica a dúvida dos tutores: "O que posso fazer quando precisar contratar um serviço de transporte para meu Pet?

Bem, fique atento a itens importantes antes desta contratação:

• Busque recomendações

Entre nas redes sociais e nas avaliações do Google e converse com tutores que já passaram por essa experiência, buscando referências que sinalizem a idoneidade da empresa.

Antes da contratação deste serviço ouça a opinião sobre os motoristas, gestores e como o atendimento é prestado.

Confira, principalmente, a legalidade da empresa junto a ANTT e órgãos tributários, como a Receita Federal, por exemplo.

• Observe o atendimento

Outra dica importante é observar como são realizados os embarque, a acomodação dos animais, o desembarque e o que é feito durante a viagem , principalmente se houver necessidade de alguma intervenção médica.

Fique atento para as exigências tomadas com relação a preparação do animal bem como pela exigência da documentação obrigatória e vacinas que garantem um ambiente saudável e seguro, evitando riscos de contaminação ou apreensão em fiscalizações.

• Avalie as condições do veículo

Confira também as condições do veículo. Se ele obedece as exigências impostas pela legislação e estão atualizadas, oferece boas condições de higiene, conforto e segurança.

Tecnologias como cromoterapia, musicoterapia, controle de temperatura e ruídos, monitoramento por vídeo, controle de estabilidade fazem toda diferença, principalmente nas viagens mais longas.

• Tenha tudo por escrito

Além da observação, é importante que os tutores tenham todos os detalhes do serviço registrados formalmente em um contrato.

No documento deve constar a identificação, os contatos dos prestadores do serviço, período de vigência, horários de chegada e saída, formas de pagamento, multas pela rescisão antecipada e outros detalhes que possam evitar problemas no futuro.

Conhecer seus direitos e deveres, além de evitar dores de cabeça, garante a segurança no transporte de seu filho.

• Forneça as informações corretas sobre seu Pet

É extremamente importante fornecer o máximo de informações possíveis a respeito do seu pet.

A empresa que irá prestar o serviço precisa conhecermos o perfil e o histórico de saúde do seu pet, para que possam adotar os protocolos de segurança adequados durante a viagem.

E então. Gostou de saber um pouco mais sobre os motoristas responsáveis pela viagem de seu Pet? Que tal experimentar então uma experiência totalmente diferente de tudo que você já viu, escolher seu destino e fazer sua reserva?


chamada_noticia_seguranca_transporte_de_animais_moovipet

Tutores escolhem transportar seus pets com a MooviPet pela segurança, revela pesquisa.

Tempo estimado de leitura: 8 minutos

Pesquisa conduzida pela MooviPet mostra que diante de tantos problemas envolvendo viagens de animais em aviões nos voos comerciais, viajar pelas estradas é a forma mais segura de embarcar cães e gatos para viagens interestaduais e a avaliação do serviço rodoviário é melhor que o aéreo, demonstrando que a experiência de tutores e animais têm sido cada vez melhor.

Mais de 70% das pessoas que utilizam os serviços de transporte oferecidos pela MooviPet fizeram essa opção por causa da segurança.

Entre os tutores que escolhem embarcar seus filhos peludos na malha rodoviária operada pela MooviPet, 86% disseram que se sentiram muito mais seguros pois os animais são monitorados e os protocolos adotados garantem muito mais segurança aos animais em todas as etapas da viagem.

Os resultados são de uma recente pesquisa realizada pela MooviPet para medir a percepção de tutores que tiveram uma experiência em viagens rodoviárias para animais.

Realizada pela primeira vez no país, a pesquisa contou com a opinião de mais de 500 tutores, com o intuito de entender a opinião sobre as melhores formas de fazer viagens de longas distâncias para cães e gatos, comparando a experiência oferecida por companhias aéreas, transportadoras terrestres e autônomas.

O levantamento mostra que a insegurança de tutores devidos aos problemas ocorridos com animais que embarcaram em porões de aviões como perda, fuga e óbito de animais durante os processos de embarque, deslocamento e desembarque, como ocorreu no caso da cadelinha Pandora, por exemplo, leva 63% dos tutores a escolherem a MooviPet na hora de embarcar seu Pet.

As viagens rodoviárias para cães e gatos, que se popularizou com a MooviPet, foram avaliadas como positivas por mais de 90% das pessoas que utilizam o serviço, percentual bem acima dos 45% que avaliaram positivamente as opções de viagens aéreas e demais serviços de transporte interestadual oferecidos por autônomos pelo Google e redes sociais.

Entre os tutores que têm animais acima de 10Kg ou que exijam algum cuidado especial em razão da idade e saúde, essa diferença de percepção é ainda maior.

Para esse grupo de tutores, a avaliação positiva de serviços como a MooviPet é de 86%, enquanto os serviços de transporte aéreo ficam na casa dos 12%, já que muitas empresas só embarcam os animais nos porões.

Ou seja, quanto maior o porte e quanto mais cuidados o animal exigir, mais se valoriza o transporte rodoviário, justamente pelos protocolos de segurança adotados, monitoramento, suporte médico veterinário e seguro, que permitem ações que podem salvar vidas em casos de eventual necessidade.

A pesquisa destaca também que 98% dos tutores consultados consideram o serviço oferecido pela MooviPet como importante para o transporte interestadual dos animais.

Entre os que já conhecem a MooviPet, 92% avaliam os serviços de transporte oferecidos como positivos – indicador que chega a 96% entre os que utilizaram os serviços, embarcando seus animais com a empresa, em qualquer modalidade.

Tutores apoiam a regulamentação da atividade de transportes de animais para garantir mais segurança.

Mais de 75% dos tutores apoiam mudanças na legislação para promover mais segurança e melhores experiências de tutores e animais em viagens mais longas, que exigem maiores cuidados.

Segundo a pesquisa, 88% dos tutores querem que as leis sejam alteradas para que os animais possam viajar com mais segurança, com motorista mais capacitados, veículos mais novos e com operações mais planejadas.

campanha-nao-somos-bagagem

#NãoSomosBagagem

Conheça as mudanças propostas na campanha apoiada pela MooviPet.

O levantamento também mostra que mais de 80% não concordam com a qualidade dos serviços oferecidos pelas companhias aéreas e rodoviárias de transporte de passageiros com relação às regras para transporte de animais.

A pesquisa ressalta que a procura pelo transporte rodoviário para animais deve aumentar se oferecerem para tutores e animais a garantia de conforto e segurança.

Para oferecer mais segurança, 82% dos tutores consideram muito importante o surgimento de novas empresas regulamentadas no mercado. Mais da metade dos tutores (53%) acredita que com maior concorrência, transportadores aéreos e terrestres irão buscar oferecer serviços cada vez mais seguros e melhorar a experiência dos animais que precisam viajar para outras cidades.

Veja os principais destaques da pesquisa

Sobre as viagens rodoviárias para cães e gatos:

  • 70% dos tutores que embarcaram seus Pets com a MooviPet fizeram essa opção por se sentirem mais seguros diante das demais opções encontradas no mercado, principalmente nas opções aéreas.
  • Entre as pessoas que fizeram uma reserva com a MooviPet, 86% disseram que concordam com o valor e protocolos de segurança estabelecidos pela empresa.
  • 88% dos brasileiros querem que as leis sejam alteradas para que mais empresas especializadas em transporte de animais disputem a preferência dos tutores que precisam embarcar seus Pets.
  • 59% dos entrevistados são favoráveis à regulamentação da atividade de transporte rodoviário de animais.
  • 82% dos tutores consideram muito importante o surgimento de novas empresas especializadas em transporte de animais no mercado para diminuir o preço das passagens.
  • Mais da metade da população (53%) acredita que o valor das viagens será mais barato se novas empresas passarem a competir no setor.
  • Para 89% dos tutores, as leis deveriam incentivar a concorrência e acreditam que novas empresas ajudam a baixar os preços.
  • O transporte rodoviário especializado oferecido pela MooviPet foi avaliado como positivo por 92% dos tutores que utilizam o serviço, percentual acima dos 45% que avaliaram positivamente os serviços prestados pela companhias aéreas e autônomos.

Perfil dos tutores e dos animais:

  • 71% dos tutores escolheram a modalidade rodoviárias na hora de embarcar seus Pets, seguido por viagens de automóvel (41%) e viagens de avião (10%).
  • 59% dos tutores que viajam de carro ou avião escolheriam viajar pela MooviPet se houvesse mais opções de embarque.

Avaliação da MooviPet

  • 98% dos entrevistados consideram o serviço oferecido pela MooviPet como importante para o transporte de animais.
  • Para quem conhece a MooviPet, 92% avaliam os serviços como positivos – indicador que chega a 96% entre os que já utilizaram o serviço.

Sobre a MooviPet

A MooviPet é uma transportadora que oferece para cães e gatos opções de viagens interestaduais com um veículo adaptado conhecido como "PetBus", com capacidade para 18 animais, que conta com tecnologias como cromoterapia, musicoterapia e controle digital de temperatura.

cachorros-se-alimentando-hidratando-durante-parada-transporte-moovipet

Além disso, são feitas paradas periódicas para alimentação, hidratação, necessidades fisiológicas e caminhadas e as viagens são monitoradas por médicos veterinários e pelo tutor.

Como não é preciso comprar caixas de transportes (pois já fornecemos gratuitamente) a MooviPet oferece opções de viagem mais baratas para os tutores.

A startup oferece opções de embarque e desembarque em datas programadas em 16 estados, conectando mais de 300 cidades, e tutores podem fazer a reserva na hora, parcelando em até 10 vezes sem juros.

E aí, gostou da ideia de embarcar seu Pet em uma viagem monitorada, confortável e segura, recebendo muito amor e carinho? Que tal aproveitar e já garantir a reserva para a próxima viagem de seu melhor amigo?


imagem-seja-parceiro-moovipet

Ganhe dinheiro na internet sem sair de casa!

Tempo estimado de leitura: 8 minutos

A forma como os cães e gatos viajam mudou em 2015, quando a MooviPet revolucionou o mercado de mobilidade de animais oferecendo opções de viagens compartilhadas seguras, com preços acessíveis e sem burocracia.

Através de um veículo especializado e um serviço planejado e monitorado por um time técnico, os animais são tratados como passageiros e não como bagagem e podem ter uma ótima experiência quando precisarem ir ou vir de uma outra cidade, com serviços tão seguros quanto ao serviço oferecido para pessoas.

A MooviPet, primeira transportadora regulamentada pela ANTT para transporte de cães e gatos, facilita todo o ecossistema para tornar as experiências que envolvem a mobilidade de animais únicas – e isso agrega valor para ONGs e Criadores de animais e permite que milhares de tutores fiquem mais tranquilos e menos preocupados quando precisarem enviar seus Pets.

Assista ao vídeo, para conhecer um pouco mais sobre a MooviPet.

https://www.youtube.com/watch?v=YT0vspZQMfI

Através do Parceiro MooviPet, influenciadores e criadores podem ganhar dinheiro indicando nossas viagens.

Neste artigo você encontra todas as informações que precisa saber para ganhar dinheiro com a indicação de nossas viagens, permitindo que os animais possam viajar com mais conforto e segurança.

Como faço para me tornar um Parceiro MooviPet

Ser um parceiro é simples e rápido e você precisa, basicamente, seguir apenas três passos:

  1. Precisa ser um pet influencer ou proprietário de um canil ou gatil com registro CBKC.
  2. Fazer seu cadastro através da página de parceiros, clicando aqui, para receber seu CUPOM de Desconto.
  3. Indicar e divulgar seu cupom nas redes sociais para pessoas interessadas.

Como participar do programa

Para ganhar dinheiro é bem simples!

O primeiro passo é divulgar seu cupom que garante 10% de desconto para quem utilizá-lo.

Quando o tutor informar o cupom ao solicitar a reserva através de qualquer um dos canais de vendas da MooviPet, você já garante sua comissão de 5% do valor da reserva, que será paga assim que o Pet for embarcado, direto na sua conta por PIX.

Como fazer a indicação de uma viagem para um tutor

  1. Faça parte de grupos de ONGs, canis, gatis e transporte de animais nas redes sociais, como Instagram, Facebook, WhatsApp e Telegram.
  2. Descubra tutores ou criadores que precisem viajar com cães ou gatos por mudança, adoção ou doação ou compra e venda.
  3. Todos os Parceiros MooviPet têm um cupom exclusivo para compartilhar com proprietários e nas redes sociais. Lembre de compartilhar o seu!

mulher-trabalhando-em-casa-com-seu-cachorro
Mulher trabalhando de casa com seu cachorro. (Foto: Reprodução)

Quais são os requisitos para ser um Parceiro MooviPet?

Se você está em busca de renda extra, independente da sua profissão, é possível participar e começar a gerar renda. Basta estar dentro dos critérios:

Ser pessoa física com mais de 18 anos de idade e CPF;
Possuir um canil ou um gatil com registro CBKC ou possuir um perfil pet influencer no instagram com mais de 500 seguidores.

Como funciona a remuneração e até quanto você pode ganhar

Os ganhos são ilimitados! Confira abaixo como funciona a remuneração para quando você indica uma viagem para um tutor e ele embarca seu Pet com agente:

  • Sempre que uma pessoa utiliza seu cupom para fazer uma reserva, ela recebe 10% de desconto na hora da reserva e você recebe 5% de comissão, assim que o Pet for embarcado.

Por exemplo, uma pessoa com 3 cães de porte médio precisa que seus animais viajem de São Paulo para Recife. Em média, o valor das três reservas ficará em torno de R$ 6.000.

Utilizando seu cupom de desconto, o tutor terá um desconto de R$ 600 e você receberá R$ 300 no momento em que os Pets embarcarem por Pix na conta cadastrada.

É possível indicar viagens para qualquer pessoa ou empresa que precise viajar com um, ou mais, cães ou gatos.

Dicas para faturar mais

Pra ajudar quem já participa ou tem vontade de se cadastrar como parceiro, seguem as dicas de Amaro Netto, nosso Gestor de Vendas:

  • Comunique sua rede de conhecidos que você faz parte da família MooviPet e sobre os benefícios em viajar com a Moovi e os descontos que as pessoas podem ter utilizando seu cupom, pois o cliente ideal pode estar ao seu lado. Temos casos de parceiro que comentou sem querer, em um almoço de família sobre a MooviPet e descobriu que uma tia precisava viajar com seu Pet e estava com muito medo de embarcar no avião, e não sabia como resolver.
  • Todos os Parceiros da MooviPet têm um cupom exclusivo para compartilhar. Esse cupom pode ser divulgado nas redes sociais, o que ajuda, e muito, na efetividade das indicações.

Como conseguir indicações melhores?

Converse com os tutores e criadores. Antes de indicar a MooviPet, é legal entrar em contato com o tutor.. Dessa forma, você pode já falar pra pessoa que a MooviPet vai entrar em contato e explicar as vantagens que o Pet têm quando viaja pela Moovipet. Assim, as chances de fazer a reserva são maiores.

Aliás, as vantagens que o proprietário tem devem estar na ponta da língua dos parceiros que querem ter uma boa performance:

• Por que é mais barato viajar com Moovipet

Com a MooviPet você só paga pelas vagas necessárias para acomodação de seu Pet, não precisa comprar caixas de transportes.

• Por que é mais prático viajar com a Moovipet?

Você reserva por telefone ou whatsapp e só precisa de comprovação de imunização anti-rábica e atestado de saúde.

• Porque os veículos da Moovipet são mais confortáveis

A MooviPet tem veículos novos, climatizados e adaptados. Os animais recebem muita atenção, amor e carinho dos motoristas durante o deslocamento.

Além disso, as viagens são monitoradas por médico veterinário.

Uma playlist personalizada com músicas que seu melhor amigo gosta de ouvir e o uso de feromônios fazem com que seu Pet viaje com a sensação de estar em casa, perto de você.

• Porque é mais seguro viajar com a Moovipet

Ao longo de 5 anos a Moovipet já transportou mais de 100 mil cães e gatos. Nosso serviço é certificado pela ANTT.

Fazemos paradas periódicas para alimentação e hidratação dos animais.

Além disso, oferecemos um seguro para cobertura para atendimento médico veterinário em caso de uma eventual necessidade.

E ae? Gostou de saber que você pode ganhar dinheiro sem sair de casa e ajudar dezenas de animais a chegarem melhor, com muito mais conforto e segurança onde precisarem?

Acesse nossa página e venha fazer parte da nossa família.


Jesse, Shurastey e a tragédia anunciada

O acidente trágico de Jesse Koz e Shurastey abriu uma discussão enorme sobre segurança nas viagens rodoviárias com animais domésticos.

Um jovem determinado, seu melhor amigo cão e um Fusca 78, viajando por mais de 5 anos, passando por mais de 17 países, com mais de 1.5 milhões de seguidores acompanhando uma verdadeira série digna de óscar na vida real. Mas, infelizmente, o último episódio dessa série não nos trouxe um final feliz.

Reunimos nosso time para falar um pouco sobre questões técnicas e sobre segurança em viagens e transportes com animais, em um episódio muito especial do MooviCast. Você precisa assistir.

https://www.youtube.com/watch?v=Y6NIAw1TTic

Se preferir, você também pode continuar e ler o conteúdo.

Tempo estimado de leitura: 11 minutos

Não há um número oficial de animais que viajam pelas rodovias do Brasil, nem mesmo da quantidade de autônomos e empresas que prestam serviço de transporte interestadual de animais.

Pela falta de regulamentação e fiscalização, o que se sabe é que milhares de animais caem na estrada todos os dias entregues à própria sorte, sem que governo e tutores que contratam serviços de terceiros tenham acesso a informações sobre condutores e veículos.

Os acidentes de trânsito provocam mais de 45 mil mortes ao ano no Brasil e uma das principais causas são defeitos mecânicos. 

Evitável, a falta de manutenção associada a veículos antigos sem os equipamentos de segurança necessários para transporte de animais colocam em risco a vida de tutores e animais nas viagens.

Quem não se comoveu com a fatalidade envolvendo Jesse Kozechen e seu companheiro de viagem Shurastey na última semana de maio deste ano nos Estados Unidos?

As imagens do Fusca 78 acidentado são chocantes e a discussão sobre a segurança dividiu opiniões.

Evidente que um carro de mais de 30 anos de fabricação não tem os mesmos recursos de segurança que os veículos mais modernos.

Motoristas devem respeitar as limitações do veículo, ter atenção ao volante, não apelar para gambiarras e manter constante a manutenção, principalmente se for um veículo antigo.

Esse acidente nos faz refletir sobre os riscos que envolvem viagens longas com os animais e nós da MooviPet resolvemos analisar o acidente e passar um pouco da nossa experiência para compartilhar com tutores que costumam viajar com seu peludo no seu carro ou através de terceiros. Vamos a leitura?

Como ocorreu o acidente

Segundo relato de testemunhas, o acidente ocorreu da seguinte forma: Jesse tentou se desviar de um carro parado à frente, virou o volante para a esquerda, invadiu a pista contrária e quando tentou voltar, perdeu o controle do veículo – o Fusca tombou e foi colidiu com um SUV.  

Provavelmente toda a manobra ocorreu com as rodas travadas, pois em situações de pânico, o que normalmente ocorre é manter o pé direito afundado no pedal de freio.

Circunstâncias que contribuíram para o acidente

O carro circulou durante meses em estado precário e, por conta da quantidade de reformas, transformou-se em uma colcha de retalhos.

https://www.instagram.com/p/CdRLoivPW0Y/

Jesse já havia se acidentado semanas antes na América Central, mas escapou ileso do choque contra um portão. Levava muitos objetos soltos no interior do carro – seu cão, inclusive, sem ter ideia do risco que isso representa. 

Nada garante que o destino dos viajantes seria menos trágico caso o Fusca estivesse íntegro, com manutenção em dia e com as características de projeto preservadas. 

Um fato interessante é que os ocupantes do SUV, uma senhora de 62 anos de idade e uma criança de dois, sofreram ferimentos leves. 

O que se pode afirmar é que ao volante de um carro original em perfeitas condições de uso, o motorista tem maior controle sobre o veículo.

Shurastey, o golden retriever de 6 anos, viajava solto no interior do Fusca, e morreu junto com o tutor na colisão.

O que ocorreu com Jesse e seu companheiro foi uma tragédia – uma tragédia anunciada, segundo nós podemos constatar.

Shurastey contribuiu para o acidente?

Se Shurastey contribuiu para o acidente, nunca iremos saber, pois não houve sobreviventes no Fusca, mas, pelo que pudemos verificar, o fato de Shurastey estar solto, pode ter contribuído para o acidente.

Pesquisas revelam que cães soltos distraem motoristas de várias maneiras, como:

  1. Subir no colo de seu dono enquanto dirige
  2. Cutucar com a pata  o motorista enquanto estão no carro
  3. Colocar a cabeça para fora da janela durante a condução
  4. Ficar enjoado durante a condução
  5. Sentar no console central para colocar a cabeça para fora do teto solar
  6. Pisar no câmbio

como-os-animais-causam-distracao-na-direcao
Infográfico “Como os animais causam distração na direção” (Referência: CarRentals.com)

Shurastey gostava mesmo de viajar?

A humanização dos cachorros tem uma explicação: os animais ocupam um lugar especial nas nossas vidas e nós queremos que eles estejam presentes em todos os momentos, principalmente nos momentos de lazer, compartilhando os momento que fazemos aquilo nos faz feliz, como viajar, surfar ou passear em um shopping, não é mesmo?

Os cães passaram do quintal para dentro de casa e atualmente eles saem de casa junto com os tutores para se divertir.

Cães têm alimentação balanceada e passaram a ser muito mais que um pet - um filho para muitas pessoas. Trata-se de uma relação prazerosa e que pode ser cientificamente comprovada: o contato com um animal libera hormônios que são a sensação de prazer. Isso tudo é muito bom mas existe um limite importante que deve ser respeitado para o bem de ambos. 

O excesso no ato de humanização de cães pode prejudicar a saúde e a disposição dele. Todos nós devemos respeitar os animais e os tutores devem amá-los, mas evitando o exagero. O exagero pode fazer mal não apenas a saúde do cão, mas prejudicar o seu desenvolvimento a curto, médio e longo prazo.

No caso do Shurastey, não há dúvidas que estar ao lado de seu tutor Jesse trazia conforto e segurança e o fazia um cachorro mais feliz.

Mas as condições de conforto em viagens tão longas, por tantos dias, provocavam no cachorro a mesma sensação de liberdade que Jesse sentia e compartilhava?

Será que o confinamento por tantos dias no interior de um veículo pequeno e pouco confortável não teria justamente o efeito contrário, que seria a potencialização do estresse e pelo confinamento, falta de opções para gastar energia, mudança constante de hábitos alimentares e alterações nos horários de sono?

Essa é uma reflexão que devemos ter sempre que desejarmos incluir um Pet em uma rotina que traz satisfação para nós humanos. 

É um erro humanizar um animal a ponto de achar que ele é mais feliz sendo submetido a todas as condições que trazem felicidade para nós. 

A forma mais correta é entender seu comportamento e agir com responsabilidade. Em uma viagem, um cachorro se afasta de seu habitat, das pessoas que ama, fica confinado em um veículo, lida com pessoas e animais que não são do seu convívio e ouvem e sentem sons e cheiros diferentes.

Esse conjunto de mudanças de rotinas afetam seu comportamento e podem, inclusive, afetar a sua saúde. A forma correta de lidar com um Pet é respeitando suas verdadeiras necessidades fisiológicas, biológicas e psicológicas, proporcionando o máximo de conforto e segurança possíveis.

O veículo de Jess

As alterações realizadas em qualquer veículo empregado para transportar pessoas, cargas ou animais devem ter seu projeto avaliado e testado para não comprometer a vida de motoristas, passageiros e animais nas estradas.

No caso do Fusca de Jesse, as características originais do carro foram completamente alteradas e isso trouxe  graves consequências.

Um dos pontos que chamou a atenção foi a alteração do centro de gravidade: além do vão-livre ampliado o Fusca transportava no teto uma barraca e o peso estava acima do peso adequado para aquele modelo de veículo.

Para Eduardo Carvalho, Gestor de Operações da MooviPet, alterações em veículos que fazem transporte de animais devem ser feitas por empresas especializadas.

"Ao modificar um veículo que faz transporte de animais deve-se considerar questões como estabilidade, oxigenação, temperatura, ruídos, e, se for empregado para viagens mais longas, tecnologias como cromoterapia, musicoterapia  e uso de feromônios, que irão melhorar as condições do ambiente e fazer com que a viagem seja mais prazerosa para o animal.", acrescenta Eduardo.

Vale a pena conhecer o PetBus, unidade de veículo padrão utilizado pela MooviPet para fazer viagens rodoviárias de longa distância.

veiculo-moovipet-mercedes-sprinter-416

Conheça o PetBus

O ônibus repleto de tecnologias de segurança com capacidade para até 32 pets. Leia mais.

Animal e objetos soltos no interior do veículo

Por ação da cinética, a força que age sobre o movimento dos corpos, um cão de 30 quilos (peso médio de um Golden Retriever adulto) passa a pesar 28 vezes mais em caso de desaceleração brusca ou colisão a 100 km/h.

O cálculo das entidades de medicina de tráfego é proporcional à velocidade do veículo. 

Observe neste vídeo, gravado em 2013, como um cachorro sem cinto de segurança tem sua vida comprometida em acidentes com veículos com colisão frontal:

https://www.youtube.com/watch?v=CxR4HltkwUA&t=20s

Neste outro vídeo, vemos o que poderia acontecer caso ele tivesse utilizando cinto de segurança:

https://www.youtube.com/watch?v=pIHrDdu_bVE&t=86s

Neste outro vídeo, vemos o que poderia acontecer caso ele tivesse utilizando outros equipamentos de segurança:

https://www.youtube.com/watch?v=_99m1-33_XU

Fica claro que caixa de transporte resistentes, que atendem ao padrão estabelecidos pela IATA, salvam vidas:

https://www.youtube.com/watch?v=_99m1-33_XU

Conclusão

É impossível não sorrir com a experiência vivida por Jesse e Shurastey, compartilhada com milhares de pessoas nas redes sociais.

É inegável que Jesse nos mostrou que não precisamos de muito para sermos felizes, tudo o que precisamos é estar  em paz com nós mesmos.

Jesse e Shurastey estão eternizados como motivadores de um estilo de vida cada vez mais comum, onde  podemos nos conectar com nosso melhor amigo para compartilhar nossos momentos felizes, independente da distância.

Por outro lado, a tragédia ocorrida deve servir de exemplo para todos nós, tutores e transportadores, profissionais ou autônomos, sobre o risco em viajar nas estradas e, principalmente, sobre a importância das condições do veículo, da preparação dos motoristas e da utilização de equipamentos de segurança de qualidade, principalmente nas viagens mais longas.

Para Eduardo Carvalho, Gestor de Operações da MooviPet, a história de Jesse e Shurastey é o maior exemplo que temos sobre a importância da preocupação que nós, tutores e transportadores, devemos ter com a segurança nas viagens interestaduais e internacionais de longa distância e precisa servir para conscientizar os jovens que, porventura, queiram seguir os mesmos passos de Jesse e Shurastey.

Se você é daqueles que não deixa seu melhor amigo pra trás e se preciso for, cai na estrada junto com ele para aproveitar todos os momentos, conta pra gente como é sua experiência e como você faz para garantir conforto e segurança nas viagens.


Se quiser falar com um de nossos especialistas de viagens, pode utilizar algum dos canais abaixo.